Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /home/discove1/public_html/news/header.php:4) in /home/discove1/public_html/news/header.php on line 9

Warning: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /home/discove1/public_html/news/header.php:4) in /home/discove1/public_html/news/header.php on line 9
discoverazores.org

Santa Maria anfitriã da Festa do Vime

2020-03-02

Santa Maria anfitriã da Festa do Vime


A Arte do Vime - do tradicional ao contemporâneo, é um projeto MiratecArts em parceria com a Oficina de Artesanato em Vila do Porto e a artista e formadora Aida Bairos. No passado fim de semana, um programa repleto de atividades deu a oportunidade ao público de participar na preparação da fibra vegetal até à construção de peças de arte com a Festa do Vime.

A Festa do Vime é um fim de semana de aprendizagem, estudo de campo e uma série de oportunidades para o participante lançar mãos à obra desde a colheita do vime à plantação das estacas, passando pela cozedura e pelo descascar até construir peças com os próprios vimes. Dezenas de participantes tiveram a experiência única em campo no local do Forno, em Santa Bárbara, até à Oficina de Artesanato, em Vila do Porto.

O vime é um material utilizado desde os tempos primitivos, originalmente oriundo de varas moles e flexíveis do vimeiro. Nos Açores sempre foi usado para cestos na agricultura, na vitivinicultura e na cestaria, para frutas. Hoje em dia, trabalhos de vime são mais utilizados para embelezar e decorar as casas e menos na agricultura. "Desde a minha juventude sempre trabalhei com o vime" diz Aida Bairos, uma das poucas pessoas nos Açores que trabalha a tempo inteiro nesta arte. "Eu tento inovar, criar novas peças, em parceria com outros artistas, nomeadamente com outras fibras, mas também com o barro, ao mesmo tempo que continuo a produzir peças mais tradicionais."

Terry Costa, diretor artístico da MiratecArts, pretende continuar a desenvolver a Festa do Vime, não só como projeto artístico mas também como uma oportunidade para cativar novos mercados turísticos para os Açores. "Este tipo de programação tem um pequeno nicho com potencial de chamar interessados a investirem a passar uns dias na ilha para bisbilhotar, aprender e participar na programação." Este ano, a Festa do Vime incluiu participantes oriundos das Américas e estrangeiros radicados na ilha do sol. O projeto bienal já agendou a próxima edição para fevereiro 2022.

MAIS FOTOS


DEIXE A SUA OPINIÃO
LEAVE YOUR OPINION

OUTRAS NOTÍCIAS
OTHER NEWS

Comunicado MiratecArts: Azores Fringe 20...

2020-04-05 12:28:30

LER +

Azores Fringe entra no Rating Cision: Cu...

2020-03-31 08:34:43

Azores Fringe entra no Rating Cision: Cultura  LER +